1

En la Parroquia San Pedro Alcántara de Córdoba, los primeros domingos del mes misa en latín

Publicado por el .

Iglesia de San pedro Alcántara de Córdoba

Se ha autorizado por parte del Administrador Apostólico de la Diócesis de Córdoba Juan José Asenjo la celebración, los primeros domingos de cada mes, a las 10.00 de la mañana, de la misa en latín, de acuerdo al rito de celebración anterior a la reforma de 1970.

Manuel Pérez Moya, Presidente del Cabildo de la Catedral de Córdoba , será el encargado de celebrar la eucaristía, al ser Párroco del Sagrario, del que depende San Pedro de Alcantara; se atiende así a la solicitud de la asociación Una Voce Córdoba de celebrar la misa por el rito extraordinario.

Esta autorización corresponde o motu propio corresponde, por delegación del Papa al Obispo que autorizará y en su caso determinará la forma y lugar donde se celebrará la liturgia.

Según la Iglesia motu propio Summorum Pontificum aclaró el modo de celebración de la misa tras la reforma de 1970; sin abandonar la liturgia en latín, la autorización para oficiar la liturgia en lengua vernácula se impuso en el modo de celebración en la Iglesia Católica.

En este forma de realizar la liturgia se usaba el misal de Juan XXIII, adaptación del año 1962 del misal de otro Papa, Pío V.

Te puede interesar

Un comentario

  1.   Egídio Manuel Falho Santos dijo

    APELO URGENTE DO CÉU ÀS MULHERES DE TODO O MUNDO

    Em 29-08-20010, um Anjo do Senhor – que não se identificou – fez um pedido a um confidente em Portugal cujo nome não pode ser divulgado. Falou de Nossa Senhora a quem apelidou de “Rainha do Parto da Terra” e “A Mulher do Fim”, mas a sua mensagem, que fala de grandes dores, aflições, destruição, é também portadora de esperança pelo triunfo dos Santíssimos Corações de Jesus e de Maria. E o seu apelo urgente é este: “QUE TODAS AS MULHERES DO MUNDO SE UNAM AOS SAGRADOS CORAÇÕES DE JESUS E DE MARIA, COM A ORAÇÃO DIÁRIA DO ROSÁRIO. TEM DE AVISAR! TEM DE AVISAR! DEVEM REZAR O ROSÁRIO. SÓ PELO ROSÁRIO SE RENOVARÃO TODAS AS COISAS ATRAVÉS DO SANTÍSSIMO CORAÇÃO DE JESUS UNIDO AO CORAÇÃO DE MARIA. TÊM DE REZAR O ROSÁRIO, PEDINDO ATRAVÉS DO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA UNIDO AO SANTÍSSIMO CORAÇÃO DE JESUS PARA QUE ACONTEÇA A RENOVAÇÃO E VENHAM OS NOVOS CÉUS E A NOVA TERRA!”

    No dia 9 de Junho de 2011, o Arcanjo São Miguel voltou a abordar este assunto, ao mesmo confidente, e pediu para o mesmo continuar a divulgar o apelo que tinha sido feito e esclereceu que “as mulheres que tenham filhos pequenos e trabalham e que não possam rezar o rosário – quatro terços – ” podem oferecer todo o seu trabalho, através do Coração Imaculado de Maria unido ao Santíssimo Coração de Jesus, pela mesma intenção. Disse ainda que quem reza o rosário diariamente deve oferecer um dos quatro terços pelas crianças.” (1)
    Também a Serva de Deus Antónia d’Astonac nos deixou uma pequena mensagem sobre a necessidade de rezarmos o terço dos Anjos, fazendo uma especial referência aos sacerdotes, dizendo “que tinha muito apreço por todos os sacerdotes mas tinha um carinho especial pelos sacerdotes que rezam o TERÇO DOS SANTOS ANJOS”; apela para que eu divulgue este apelo, no sentido do seu pedido instante para a recitação do Terço dos Anjos, tanto por parte dos leigos e especialmente por parte dos sacerdotes, neste tempo de grande combate contra as forças do Mal.”
    ————————

    (1) Porquê esta preocupação com as crianças, nesta indicação dada por São Miguel Arcanjo?
    Em Junho de 2009, Jesus disse: “Avisa para que os pais, avós, educadores e todas as pessoas que cuidam de crianças não tirem um só momento os olhos de cima delas”. (Isto é devido às forças do mal, espirituais e humanas que podem afectar as crianças). E no dia 23-10-2008, refere-se ao sacrifício das crianças: “Oh, pobres crianças, oh pobres cordeiros pequeninos que sereis imolados pela salvação da humanidade… Desígnios de Meu Pai! Pelo sacrifício das crianças os homens irão abrir-se à salvação!…” Mas também advertiu, em Junho de 2009: “Não te canses de avisar que os pais serão julgados pela falta de fé dos seus filhos!”

Escribe un comentario